sábado, 4 de julho de 2020

Às Novas Flores


As novas flores

eles são como semeadores
que espalham morte e sangue em nossas vidas
somos a terra em que nos enterram
o descartável do descartável
através do medo e paranoia impedem a vida
afastam-nos de nossos irmãos
fazem acreditar ser impossível a felicidade
que viver sem temer é um perigo
eles insistem que devemos ter medo do perigo
mas o perigo não é nosso irmão
o perigo é apenas o sabor de estar vivo
é o oposto dessa morte confortável
e segura que vivemos dia a dia a incerteza é a felicidade de viver criar raízes é virar planta
virar vegetal é vegetar
se evitarmos o desconhecido
ficamos apenas com o que já sabemos
nada mais será aprendido
se não nos aventurarmos pela vida afora
se não abraçarmos o desconhecido
lascando um beijo na boca
estaremos apenas andando em círculos
só a loucura é descoberta
só a loucura caminha rumo ao saber
só a loucura salva
a loucura o mal gosto e o perigo
eis a Santíssima trindade que devemos beber.

Texto: Fabio Da Silva Barbosa
Arte; Jorginho                          

sexta-feira, 3 de julho de 2020

2°Sarau do Coletive no Instagram

É hoje, não percam!

PORQUE VOCÊ DEVERIA OUVIR:


Porque você deveria ouvir: Terno Rei

   Terno Rei é uma banda formada em São Paulo que já está há certo tempo em atividade, possuindo três álbuns, “Vigília” (2014), “Essa Noite Bateu Com um Sonho” (2016) e o mais recente, “Violeta” (2019). A banda mistura elementos de Dream Pop, LoFi e Rock Psicodélico. Porém, foi com o álbum Violeta que a banda realmente cresceu e demonstrou uma evolução e maturidade em seu som.

   Enquanto os dois primeiros álbuns tinham uma sonoridade mais voltada para o Indie Rock, em Violeta a banda vai por um caminho diferente, investindo mais nos sintetizadores e trazendo um som mais pop e introspectivo. A primeira vez que tomei contato com a banda foi através da música “Yoko”, na qual eu já gostei de cara. Ao ouvir essa música, o que mais me chamou a atenção logo de cara eram os synth’s e como eles usavam isso muito bem dentro da sonoridade da música, criando uma atmosfera incrível com a canção. As letras das músicas são o que mais me chamam atenção até hoje, eles abordam temas do nosso cotidiano, como relações, amor e as angústias da geração atual, tudo isso com um som mais leve e imersivo.

Terno Rei é a banda brasileira que mais escuto atualmente, as músicas me  deixam muito imersivo no som e também me fizeram refletir sobre vários temas que eles abordam nas músicas. Há elementos nela que lembram muito bandas dos anos 90’s e final dos anos 80’s, mas com uma originalidade muito grande deles. 








Henrique Reis




quinta-feira, 2 de julho de 2020

COLETIVE HIP HOP # DROPS N°04

                   
O Apelidado Tio Isa "Acorda o Hip Hop"!

2°Sarau do ColetiveArts no Instagram

 
Nesta sexta-feira, 3 de julho, o ColetiveArts vem a partir das 19 horas com seu segundo sarau virtual encher a quarentena de todos com cultura e diversidade.

Utilizando a plataforma Instagram nos desafiamos, mais uma vez, a invadir a casa de vocês com a companhia de artistas inovadores que prometem um início de noite divertido e reflexivo.

Não percam!

Aguardamos a presença de todos!

https://www.instagram.com/coletivemovimento/














MALDITOS TECLADOS BAILARINOS


- O que é isso?
- Comida.
- Como se come?
- Com a boca.
Etenegildo levantou com um pulo.
O suor cobria sua testa pálida.
Foi até a geladeira.
Estava vazia.

FABIO DA SILVA BARBOSA

Às Novas Flores

As novas flores eles são como semeadores que espalham morte e sangue em nossas vidas somos a terra em que nos enterram o descartável do ...